A Casa Senhorial

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte

Paço de Barcelos, c. 1508

Paço de Barcelos, c. 1508
XVl - XVIl
Portugal

Barcelos tirado do natural da parte de Sull

Desenho de Duarte Darmas, in Livro das Fortalezas, (c. 1508) fl.118,

Imagem cedida pelo IAN/TT


Nota:

Localizado na entrada da vila e  destaca-se o paço dos condes de Barcelos. A par das representações do Paço Real de Sintra, realizadas também por Duarte Darmas, confrontamo-nos aqui com uma das raras representações de um paço  do século XV, neste caso, pertencente à mais alta nobreza do reino. Além  da importância que assume a torre na morfologia do paço, a arquitectura manifesta uma forte organicidade  com um conjunto de corpos justapostos, cada um autonomizando-se por telhado de quatro águas.  Talvez por influência francesa o paço apresenta janelas em cruzeta afastando-se radicalmente do Paço de Sintra onde prevalecem as janelas geminadas de clara tradição islâmica. Digno de nota são os telhados de quatro águas muito inclinados que coroam os diversos corpos do edifício.  Na representação da vila destaca-se no lado esquerdo o Paço dos Pinheiros emergindo na época, com uma casa-torre de três andares.


Bibliografia:

Carita, Helder,  A Casa Senhorial em Portugal, Modelos, tipologias, Programas Interiores e Equipamento, Lisboa, Leya, 2015. pp. 36-37

Silva, José Custódio Vieira da, Paços Medievais Portugueses, Lisboa, IPPAR, 1995.



 

PTCD/EAT-HAT/11229/2009